Entenda a importância do Edital de Leilão

  • 8 de novembro de 2018
  • por projetual
  • 0 comentário(s)
Artigos e Leis

Edital de Leilão traz todas as informações sobre o bem leiloado e detalha condições de participação, pagamento e retirada do bem.

O leilão é uma modalidade de compra e venda que tem como principal característica a oferta do maior valor possível para aquisição de um bem. Por ser caracterizado como uma forma de licitação, ele precisa ser regido por um edital que estabelece as regras de participação além de oferecer informações importantes sobre as condições de pagamento, possíveis débitos e ônus do bem, retiradas e outras etapas do processo de leilão. Na verdade, o Edital de Leilão é um documento de extrema importância pois ele é o ponto de partida para a hasta. Sem ele, o leilão não pode ser realizado.

Imagem: Shutterstock

Para quem ainda não é familiarizado com os processos de compra e venda por meio de leilões, o edital pode parecer extenso e pouco convidativo, mas é muito importante que você tenha total conhecimento sobre todas as informações contidas nele. Muito além que a principal fonte de informação sobre o leilão que você pretende participar, o edital de leilão é a sua principal ferramenta de análise para decidir se aquela disputa é um bom negócio ou não, por isso, é fundamental que ao terminar de lê-lo você não tenha dúvidas.

Informações Importantes

Com o passar do tempo e com a aquisição de prática, você verá que algumas informações são mais importantes que outras e a leitura ficará bem mais simples, mas, em via de regra, existem informações que um edital não pode deixar de fornecer. Os dados do leiloeiro é uma dessas informações. Procure sempre saber qual é a organização leiloeira responsável pela leilão e quem é o profissional responsável por ela. O edital também deve especificar as condições de participação e qual a documentação necessária para tal. A maioria dos leilões permite a participação tanto de pessoas físicas quanto jurídicas, mas algumas hastas são especialmente destinadas à empresas, como os leilões de sucata, por exemplo. Ainda sobre as condições de participação, o edital deve especificar sobre qual forma aceitará os lances para aquela disputa, se de maneira presencial, online ou se das duas formas simultaneamente.

Como não poderia deixar de ser, o edital também deve apresentar detalhes sobre o bem leiloado. Além das informações básicas como tamanho do imóvel ou terreno, ou o ano de um automóvel, por exemplo, o documento também precisa ser claro sobre qualquer outra informação sobre este bem que venha a ter influência direta na decisão de participar ou não da disputa. Entre essas informações podem estar possível danos, dívidas de impostos, necessidade de benfeitorias, etc. As condições de pagamentos e formas de retirada do bem também são informações pelas quais você deve procurar sempre. Para saber mais, leia o artigo 686 do Código de Processo Civil.

Agora que você já sabe o quanto o Edital de Leilão é importante, não deixe de acessar o nosso site fazer o seu cadastro e ficar por dentro de todos as hastas realizadas pela Nogari Leilões. E se surgir qualquer dúvida, não esqueça que você pode contar com a nossa exclusiva assessoria jurídica tanto para vender quanto para comprar em leilões.